São Jorge dos Ilhéus Hoje

São Jorge dos Ilhéus Hoje

Principal pólo de turismo receptivo na região sul da Bahia, fica a 462 km de Salvador pelas rodovias BR-342 e BR-101, com acesso pela BA-262, via Uruçuca, em estrada recém pavimentada. O centro histórico de Ilhéus no fundo, com o bairro do Pontal na frente. No entanto, o percurso mais curto (e também mais bonito) é via ferry-boat, pela ilha de Itaparica, de onde se toma a BA-001 até a BR-101, com dois acessos, um via Uruçuca, outro por Itabuna, pela BR-415. Há vôos partindo de Salvador para Ilhéus todos os dias. O Porto do Malhado há vôos partindo de Salvador para Ilhéus todos os dias. O Porto do Malhado também já faz parte do roteiro de escalas de diversos cruzeiros marítimos

A história de Ilhéus é tão antiga quanto a história do Brasil, pois sua origem vem desde a época das capitanias hereditárias, já que havia a capitania de Ilhéus. Posteriormente, ocorreu a fundação cultural da Vila de São Jorge dos Ilhéus, que se transformou em freguesia em 1556, tornando-se grande produtora de cana-de-açúcar e assim, aumentando aos poucos sua infra-estrutura. No século XVIII, mudas de cacaureiros trazidos da Amazônia se adaptaram muito bem às condições climáticas da região, fazendo de Ilhéus, uma das maiores cidades brasileiras da época. Na década de 20, Ilhéus estava cheia de pessoas, dinheiro, luxo e riqueza.

O grande fluxo financeiro, em razão do cacau, deu origem ao desenvolvimento da Região da Costa do Cacau, uma importante região geoestratégica da Bahia.