TEMÁRIO DIOCESANO PARA AS FESTAS DOS (AS) PADROEIROS (AS). ANO MISSIONÁRIO 2012.

TEMÁRIO DIOCESANO PARA AS FESTAS DOS (AS) PADROEIROS (AS). ANO MISSIONÁRIO 2012.

 

Subsídios inspiradores

  1. CNBB, Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil 2011-2015, Doc. 94, 2011.
  2. CNBB, O Brasil na Missão Continental, Projeto Nacional de Evangelização, Doc. 88, 2008.
  3. CNBB, Missão Continental, Vocês são testemunhas dessas coisas, 2011.
  4. CNBB, Bíblia Sagrada, 10 edição, 2010.
  5. CNBB, Anúncio Querigmático e Evangelização Fundamental, no.4, 2009.
  6. DOCUMENTO DE APARECIDA, Edições CNBB – Paulus/Paulinas, 2007

 

(NOVENÁRIO/TREZENÁRIO)

Tema central: “Por uma Igreja em estado permanente de missão”.

  1. “O Pai envia, na dinâmica do Espírito Santo, a Palavra da Salvação e da Vida”

(At 5,27-33; Sl 33(34); Jo 3,31-36: Liturgia da 5ª feira da II semana do T. Pascal)

  1. “Jesus Cristo, o Missionário do Pai, proclama a Boa Nova do Reino de justiça e paz”.

(Cl 1.1-8; Sl 51(52); Lc 4,38-44: Liturgia da 4ª feira da XXII Semana do T. Comum)

  1. “O Espírito Santo, protagonista e dinamizador da missão"

(1Cor 12,3b-7.12-13; Sl 103; Jo 15,26-27.12-15: Liturgia de Pentecostes - ano B)

  1. “Jesus Cristo, o enviado do Pai, envia, pela força do Espírito Santo, discípulos missionários”

(At 2,1-11; Sl 103; Jo 20,19-23: Liturgia de Pentecostes - ano A)

  1.  “A Igreja nasce da missão e existe para a missão”

(Rm 8,14-17; Sl 32; Mt 28,16-20: Liturgia da festa da Santíssima Trindade - ano B)

  1. “A Igreja proclama a Palavra a todos para que possam experimentar a força do Evangelho”

(Is 6,1-2ª.3-8; Sl 137; Lc 5,1-11: Liturgia do V Domingo do T. comum - ano C)

  1. “Uma Igreja missionária vai ao encontro dos afastados, anuncia a justiça e favorece a vida”

(1Cor 1,26-31; Sl 145; Mt 5, 1-12ª: Liturgia do IV Domingo do T. Comum - ano A)

  1. “Os discípulos missionários abrem o coração para toda vida ameaçada”.

(At 6,1-7; Sl 32; Jo 14, 1-12: Liturgia do V Domingo da páscoa - ano A)

  1. “Maria, Mãe e Serva, modelo dos discípulos missionários”

(Hb 10,5-10; Sl 79; Lc 1,39-45: Liturgia do IV Domingo do Advento - ano C)

  1. “O Testemunho como fundamento e credibilidade do anúncio missionário”.

(At 1,1-11; Sl 46; Mc 16,15-20: Liturgia da Festa da Ascensão - ano B)

  1.  “Anunciar Jesus Cristo para superar as crises de valores e referências”

(1Cor 2,1-5; Sl 118 (119); Lc 4,16-30: Liturgia da 2ª feira da XXII semana do T. comum)

  1. “O mundo tem sede e fome da Palavra de Deus e precisa escutar a voz de Cristo entre outras vozes”.

(Am 8,4-6.9-12; Sl 118; Mt 9,9-13: Liturgia da 6ª da XIII semana do T. comum)

  1.  “O discípulo missionário contempla os diversos rostos sofredores enxergando o rosto de Cristo”

(Ez 34,11-12.15-17; Sl 22; Mt 25,31-46: Liturgia do XXXIV domingo T. Comum - ano A)

  1. “São Sebastião, discípulo missionário de Jesus, testemunhou com a vida o Evangelho do Reino de Deus”[1].

(Rm 5,1-5; Sl 8; Jo 16,12-15: Liturgia da festa da Santíssima Trindade - ano C)

 

 

TEMÁRIO DIOCESANO PARA AS FESTAS DOS (AS) PADROEIROS (AS).

ANO MISSIONÁRIO 2012.

                                    Subsídios inspiradores

  1. CNBB, Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil 2011-2015, Doc. 94, 2011.
  2. CNBB, O Brasil na Missão Continental, Projeto Nacional de Evangelização, Doc. 88, 2008.
  3. CNBB, Missão Continental, Vocês são testemunhas dessas coisas, 2011.
  4. CNBB, Bíblia Sagrada, 10 edição, 2010.
  5. CNBB, Anúncio Querigmático e Evangelização Fundamental, no.4, 2009.
  6. DOCUMENTO DE APARECIDA, Edições CNBB – Paulus/Paulinas, 2007

 

(NOVENÁRIO/TREZENÁRIO)

 

Tema central: “Formamos a Igreja missionária vivendo em comunidade”.

  1. “Iniciação à vida cristã, um mergulho pessoal no mistério de Cristo e da Igreja”.

(Tg 2,14-18; Sl 114; Mc 8,27-35: Liturgia do XXIV Domingo T. Comum - ano B)[1]

  1. “A Igreja, comunidade de ungidos e enviados pelo Santo Batismo”.

(Ef 4,1-13; Sl 46; Mt 28,19ª-20b: Liturgia da Festa da Ascensão - ano A)

  1. “A Igreja, povo de Deus e corpo místico de Cristo”.

(1Cor 12,12-30; Sl 18B; Lc 1,1-4;4,14-21: Liturgia do III Domingo T. Comum - ano C)

  1. “A Igreja, portadora da missão salvífica de Cristo”.

(Ef 4,1-13; Sl 46; Mt 28,16-20: Liturgia da Festa da Ascensão - ano C)

  1.  “A Igreja, comunidade dos que nascem da missão e vivem para a missão”

(Gl 6,14-18; Sl 65; Lc 10,1-12.17-20: Liturgia do Domingo XIV do T. Comum - ano C)

  1. “A Igreja, lugar privilegiado da escuta e vivência da Palavra de Deus”.

(Jr 31,31-34; Sl 50(51); Mt 16, 13-23: Liturgia da 5ª feira da XVIII semana do T. Comum)

  1. “Uma Igreja samaritana acolhe, restaura, celebra e envia à missão”.

(Gl 1,6-12; Sl 110 (111); Lc 10,25-37: Liturgia da 2ª feira da XXVII semana do T. Comum)

  1. “O discípulo missionário vive e celebra a sua fé em comunidade”

(2Tm 1,6-8.13-14; Sl 94; Lc 17,5-10: Liturgia da XXVII Domingo T. comum)

  1. “Maria, Mãe e Companheira dos discípulos missionários de Jesus Cristo”.

(1Jo 5,14-21; Sl 149; Jo 2,1-11: Liturgia do dia 7 de janeiro do T. do Natal)

  1. “Uma Igreja missionária luta por um mundo mais justo, fraterno e solidário”.

(2Cor 1,1-7; Sl 33(34); Mt 5,1-12: Liturgia da 3ª feira da X semana do T. Comum)

  1. “CEBs: forma privilegiada de vivência comunitária da fé, inserida na sociedade numa perspectiva profética”.

(At 4,8-12; Sl 117; Jo 10,11-18: Liturgia do IV Domingo da Páscoa - ano B)

  1. “Igreja, comunidade de novas comunidades numa nova realidade”.

(At 10,25-26.34-35.44-48; Sl 97; Jo 15,9-17: Liturgia do VI Domingo da Páscoa - ano B)

  1. “A Igreja, valoriza, estimula e purifica a piedade popular”

(1Tm 6,2c-12; Sl 48(49); Lc 8,1-3: Liturgia da 6ª feira da XXIV semana do T. Comum)

  1. “A Igreja a serviço da vida plena para todos”

(1Pd 2,20b-25; Sl 22; Jo 10,1-10: Liturgia do IV Domingo da Páscoa - ano A)